Samsung suspende a venda do Galaxy Note 7 por explosão de Bateria

Por | Setembro 2, 2016

A Samsung anunciou que irá suspender a venda do smartphone galaxy Note 7, após serem reportados vários incidentes com baterias que explodiam enquanto carregavam. Em todas as situações, não foram reportadas vitimas.

Nas redes sociais, rapidamente se espalharam várias imagens de dispositivos completamente destruídos pela explosão. A Samsung comprometeu-se a trocar todos os dispositivos Galaxy Note 7 vendidos até à data, contudo, sem indicar quando irá retomar as vendas do dispositivo.

Recorde-se que o início da venda do Galaxy Note 7 em Portugal, estava prevista para 9 de Setembro. Muitos operadores aceitavam a pré-reserva dos dispositivos.

Um olhar mais aprofundado para o Samsung Galaxy Note 7, revela que o dispositivo se encontrava equipado com uma bateria de alta performance, com 3500 mAh de capacidade e funcionalidade “Fast Charging” (carregamento rápido), condizente com a gama do smartphone.

A Samsung não está sozinha…

Um pouco por todo o mundo, existem relatos sobre baterias de smartphones, tablets e notebooks que explodem ou pegam fogo espontaneamente.

Existem vários factores que podem contribuir para esta situação, no entanto, na maioria dos casos o grande culpado é o aquecimento. Também pode existir um defeito dos componentes da bateria, que na sua maioria surgem apenas em pequenas séries específicas.

Fica ainda por conhecer qual será o maior prejuízo para a Samsung, se a substituição dos dispositivos já vendidos (e produzidos) ou a “mancha” na sua reputação.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *