O vidro da câmera traseira quebrou? Como trocar?

Um dos problemas dos smartphones com câmaras mais salientes, é que estão mais suscetíveis a partir o vidro da câmera traseira. Estes acidentes não estão cobertos pela garantia, e se não possui um seguro do smartphone, a única solução é pagar pela reparação.

No entanto, substituir o vidro da câmera traseira não é um “bicho de sete cabeças”, desde que seja feito com paciência e com as ferramentas certas (normalmente incluídas nos packs de substituição). Ao substituir o vidro em casa, certamente estará a assumir um risco, mas evita ficar sem o smartphone e a reparação fica muito mais barata.

vidro da câmera traseira quebrou

Vamos começar…

Em primeiro lugar, é necessário comprar o vidro de substituição da sua câmera. Para isso, comece por aceder ao menu Definições do seu Android e toque “Sobre o telefone” para identificar o modelo do seu dispositivo. 

Isto é extremamente importante para garantir que a peça de substituição é perfeitamente compatível. Por exemplo, na fotografia inicial, é possível ver um Huawei P30 lite, um modelo cuja câmera é bastante diferente da versão P30 PRO.

Procure pelo vidro da câmera, usando o respetivo modelo. No nosso caso, fizemos a encomenda através da Amazon de Espanha. O pack de substituição chegou em apenas 3 dias, e já incluía uma espátula de plástico, que ajudou a remover os pedaços de vidro estilhaçado. 

É preciso muito cuidado para não tocar na câmera, é um trabalho de muita paciência, no qual não deve usar ferramentas “afiadas”. Após concluir a remoção dos estilhaços de vidro e os restos de cola, execute o aplicativo “câmera” do seu smartphone para ver a imagem que é capturada pelo dispositivo, e confirmar que a câmera não ficou danificada com a queda.

Antes de instalar o vidro é importante verificar se não existem partículas de pó na câmera, e se sim, usar um pequeno pincel suave para remover essas partículas. É igualmente importante ter em atenção na forma como segura o novo vidro, para não colar o mesmo com marcas de dedos na parte interior.

Caso contrário, a sua câmara nunca conseguirá fotografias nítidas, e após colar, dificilmente conseguirá tirar o vidro novamente, sem o partir. Se seguiu todas as recomendações, o seu vidro traseiro já deve ter sido substituído com sucesso. Caso precise de ajuda, envie o seu comentário 😉

Deixe um comentário