Usar dois aplicativos em simultâneo no Android (lado a lado)

Os smartphones são excelentes ferramentas de produtividade, permitindo continuar um trabalho praticamente em qualquer lugar. No final, pode sincronizar as alterações com outros dispositivos, e dessa forma maximizar a sua eficácia.

Para melhorar ainda mais essa produtividade, é possível trabalhar com dois aplicativos em simultâneo, algo denominado de “multitasking”. Dessa forma, pode ver um vídeo no YouTube enquanto responde a alguém no WhatsApp, ou escrever um documento enquanto possui um arquivo PDF aberto, evitando dessa forma “saltar” entre aplicativos.

Esta funcionalidade foi implementada no Android 7.0 (Nougat), o que significa que nos smartphones atuais, ela encontra-se incorporada de forma nativa, variando ligeiramente a sua ativação, consoante o fabricante.

Usar dois aplicativos em simultâneo no Android

O primeiro passo, consiste em abrir os aplicativos mais recentes, através do menu de navegação principal. Em alternativa, poderá abrir o primeiro aplicativo que pretende usar, e pressionar o mesmo ícone indicado sem largar até surgir a divisão da tela.

botão vista geral do huawei

Em alguns fabricantes, é possível encontrar um ícone de acesso rápido, com duas barras. Repare que nem todos os aplicativos podem ser usados no modo tela dividida, um desses aplicativos é o Instagram. O Android já aplica um “filtro”, e oculta o ícone da tela dividida em aplicativos que não suportem esta funcionalidade.

Usar dois aplicativos em simultâneo no Android

Configurar o botão na Xiaomi…

Em alguns Smartphones da Xiaomi, é possível configurar qual dos botões de navegação deve pressionar para abrir o modo tela dividida. Para isso, seria necessário aceder às Configurações > Configurações adicionais > Botões e atalhos por Gestos >Abrir tela dividida. Escolha qual o botão que pretende usar para lançar esta funcionalidade.

Alternativa no Google Play Store…

Como é óbvio, existem alternativas para esta funcionalidade no Google Play Store. Uma das mais bem “cotadas” é o Floating Apps. O funcionamento deste aplicativo é um pouco diferente do modo tela dividida, visto que permite criar uma pequena “janela flutuante” que é executada sempre no topo de outros apps, sem interromper ou fechar a janela. Outro ponto positivo, é que poderá executar mais do que 2 aplicativos em simultâneo.

É útil para si?

Esta funcionalidade é seguramente bastante útil, mas qual dos métodos pretende usar: o nativo ou o Floating apps? Em que circunstância o modo tela dividida é mais útil para si?

Extra: Como bloquear a tela num aplicativo (colocando senha para sair)

Deixe um comentário